6 de fev de 2015

Conheça os sintomas da pressão alta e fique alerta

Conheça os sintomas da pressão alta e fique alerta (Foto: Reprodução)

A pressão alta ou hipertensão é uma doença crônica que não tem cura, e embora possa ser perfeitamente controlada, principalmente quando diagnosticada precocemente, ela é considerada importante fator de risco para doenças cardiovasculares, AVC e insuficiência renal. A doença pode ser de dois tipos: 
-Hipertensão primária ou essencial: a qual normalmente não tem causa definida e, sim, uma multiplicidade de fatores atuantes, sendo um deles o componente genético.

-Hipertensão secundária: quando é decorrente de uma causa conhecida, como doença renal, tumor de suprarrenal etc. Ambas as formas da doença podem acometer idosos, adultos, jovens e crianças. 

Segundo estimativas da Sociedade Brasileira de Hipertensão, a hipertensão arterial atinge cerca de 30% da população brasileira, chegando a mais de 50% na terceira idade e além disso, a doença é responsável por 40% dos infartos, 80% dos acidentes vascular cerebral (AVC) e 25% dos casos de insuficiência renal terminal – graves consequências da pressão alta que podem ser evitadas, desde que os hipertensos conheçam sua condição e mantenham-se em tratamento. 
Na maioria das vezes não é possível saber com precisão a causa da hipertensão arterial. Mas sabemos que muitos fatores podem ser responsáveis, como: 

-Fatores Externos

 Hereditariedade: a pessoa recebe a pré-disposição, que pode apresentar-se em vários membros da família.

-Idade: o envelhecimento aumenta o risco em ambos os sexos.

-Raça: pessoas da raça negra são mais propensas à pressão alta.

-Peso: a obesidade é um fator de risco.Fatores

-Internos

Falta de exercício: a vida sedentária contribui para o excesso de peso.

-Má alimentação: pouco consumo de frutas e verduras e aumento do consumo de comida rápida.

-Sal em excesso: pode facilitar e agravar a hipertensão arterial.

-Álcool: o consumo exagerado de álcool compromete a pressão arterial.

-Tabagismo: é um fator de risco das doenças cardiovasculares.

-Estresse: excesso de trabalho, angústia, preocupações e ansiedade podem ser responsáveis pela elevação da pressão

SINTOMAS 

A hipertensão é uma doença assintomática, ou seja, não tem sintomas. No entanto, quando os indivíduos apresentam um quadro agudo mais grave da doença, como nos casos de urgência e emergência hipertensiva, pode apresentar dores de cabeça, vômito, dispneia ou falta de ar, agitação e visão borrada, decorrência de lesões que afetam o cérebro, os olhos, o coração e os rins. 

Se não tratada, a hipertensão pode causar complicações cardiovasculares, como derrame ou acidente vascular encefálico, infarto, insuficiência cardíaca (aumento do coração) e angina (dor no peito), insuficiência renal ou paralisação dos rins e alterações na visão – que podem levar à cegueira.

(com informações dos sites Saúde e Viva Mais)

About