18 de jul de 2014

Morto em acidente poderia conhecer a cura da AIDS

Morto em acidente poderia conhecer a cura da AIDS (Foto: Reprodução) 
Cerca de 100 cientistas e ativistas que estavam a caminho da Conferência Internacional sobre a AIDS, que começará no próximo domingo (20) na Austrália, morreram no acidente com o Boeing 777 da Malaysia Airlines.

Dentre os mortos, estava o professor holandês Joep Lange, um dos maiores especialistas sobre a doença no mundo. Lange foi presidente da Sociedade Internacional da Aids (IAS) e dava aulas no curso de Medicina na Universidade de Amsterdã.

Em entrevista a uma rede australiana, o médico e consultor Trevor Stratton afirmou que “a cura da Aids poderia estar a bordo daquele avião, simplesmente não sabemos”, se referindo à quantidade de pesquisadores e, em especial a Lange.

(DOL)

About