28 de abr de 2014

Vem aí o ensaio sensual "Musa do Parazão 2014"

Vem aí o ensaio sensual

O Campeonato Paraense 2014 já tem sua representante. Após um mês de disputa e quase 165 mil votos, Rayana Corrêa, de 23 anos, que representou o Paysandu, foi eleita pelos internautas do DOL, a Musa do Parazão 2014. Cindy Menezes ficou em segundo lugar e recebe o título de Princesa.
A partir do dia 5 de maio, o internauta do DOL pode conferir fotos inéditas do ensaio sensual das duas gatas, bastante apimentado e de tirar o fôlego.


(DOL)

27 de abr de 2014

CASTANHEIRO; A terra da oportunidade

Artesanato produzido na comunidade de Castanheiro (Tatuaia) zona rural do município de São Miguel do Guamá, nordeste Paraense.  

Comidas tipicas, produzidas a base de Castanha do Pará

Um lugar de matas virgens, rodeadas de castanheiras e um verde exuberante. 
             
Produtoras da região vendendo seus produtos no III Festival da Castanha 

Apresentações Culturais, a dança como forma de expressar seus costumes

A cultura vive na Região do Tatuaia, venha conhecer !!!

A comunidade do Castanheiro, é uma forte produtora de farinha de mandioca e no manejo de Castanha do Pará, fica a pouco mais de uma hora do centro do município de São Miguel do Guamá. Apresenta uma variedade de opções para laser, com a beleza de alguns igarapés a localidade se destaca e é um dos destinos certos para muitos guamaenses. Saindo de Castanhal você pode trafegar pela PA 127 no sentido São Domingos do Capim, ou saindo de São Miguel a escolha pode ser feita por muitas vicinais como o Ramal do Km 18 ou "Ramal da Torre". 

Confira, vale a pena !!!   


                 

Aniversario do vereador Elias de Moraes


"A idade impossível alterar, a aparência a medicina cuida, mas o espirito jovem depende de cada um!"
Marcos Junior Pederssetti
PARABÉNS 
ELIAS DE MORAES

25 de abr de 2014

Eleitor tem até maio para solicitar o título

Eleitor tem até maio para solicitar o título (Foto: Agência Brasil)
Os eleitores paraenses têm até o próximo dia 07 de maio para fazer inscrição eleitoral, pedir a transferência do título de eleitor ou ainda solicitar a transferência para votar em uma seção eleitoral especial nas eleições gerais de 2014. Realizando qualquer um desses serviços junto à Justiça Eleitoral, o eleitor fica apto a votar no pleito deste ano.
Na capital, o interessado deve procurar o Centro de Atendimento ao Eleitor (CAE), na rua Pirajá, entre Marquez de Herval e Visconde de Inhauma e nos postos de atendimentos do TRE-PA, no Detran (avenida Augusto Montenegro), ilha de Mosqueiro e Icoaraci. Os cidadãos também podem procurar os postos Estação Cidadania, na Rua São Silvestre (Jurunas) e no SACI, da José Bonifácio (Guamá), porém nesses lugares as inscrições encerram-se no dia 30 de abril. Nos municípios do interior do Estado, o cidadão deverá procurar o cartório da Zona Eleitoral.
Para solicitar o título de eleitor, é necessário apresentar o documento oficial de identificação com foto e o comprovante de residência, além do certificado de quitação do serviço militar obrigatório para pessoas do sexo masculino, maiores de 18 anos.
Já para fazer o pedido de transferência do domicílio eleitoral nos casos em que eleitor muda de município, estado ou país, é preciso apresentar o documento de identificação com foto, o título de eleitor e um comprovante de residência. O requerente também deverá estar quite com a Justiça Eleitoral, ou seja, ter cumprido obrigações legais, ter obtido o primeiro título ou feito a última transferência há pelo menos um ano e residir no novo domicílio há, no mínimo, três meses.
Também termina no dia 7 de maio o prazo para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar a transferência do local de votação para uma Seção Eleitoral Especial.
(DOL com informações do informações do TJE) 

IGARAPÉ-AÇU RECEBE AÇÃO ANIMAL ITINERANTE DO ISPA


A Ação estará no Município nos dias 25 e 26 de abril na Fazenda Escola de Igarapé-Açu (FEIGA) e contará com o apoio dos projetos Carroceiro, Vida digna e a equipe do Hospital Veterinário (HOVET).
A Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA) realiza nos dias 25 e 26 de abril a “Ação Animal Itinerante do Instituto da Saúde e Produção Animal (ISPA)”. A atividade será realizada na fazenda escola da UFRA (FEIGA), localizada no município de Igarapé-Açu, nordeste do Pará. A ação vai reunir o trabalho conjunto dos profissionais do Hospital Veterinário (HOVET), projeto Vida Digna e projeto Carroceiro.
A equipe de profissionais do Hovet vai realizar o atendimento clínico dos animais, pequenos curativos e aplicação de medicamentos. O Projeto Vida Digna, vai realizar o cadastramento dos animais, cujos donos tenham interesse em realizar a castração gratuita dos cães e gatos. Já a equipe do Projeto Carroceiro vai fazer o atendimento clínico de animais que fazem o trabalho de tração, como cavalos e jumentos, e vai repassar informações técnicas sobre bem estar animal, manejo e vacinação.
“Nossa meta é levar a ação para vários municípios, envolvendo atividades maiores, com vários projetos da universidade, sempre cumprindo a missão social da universidade”, diz o diretor do ISPA, professor Cristian Faturi. A meta é atender 300 animais domésticos (cães e gatos) e 100 equídeos (cavalos e mulas). As ações sempre são realizadas através de parcerias com os gestores municipais.

Texto: Natália França (ASCOM UFRA)

24 de abr de 2014

Metade dos contribuintes ainda não enviou IR

Metade dos contribuintes ainda não enviou IR (Foto: Reprodução)

A uma semana do fim do prazo, quase metade dos contribuintes ainda não enviou a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). Segundo a Receita Federal, cerca de 14 milhões de contribuintes entregaram o documento até as 17h de hoje (23), equivalentes a 51,8% dos 27 milhões de declarações que o Fisco espera receber este ano.
O prazo para entrega vai até o próximo dia 30. O programa gerador está disponível na página da Receita Federal na internet desde 26 de fevereiro, mas a transmissão dos formulários começou em 6 de março, assim como a liberação do aplicativo que permite o preenchimento da declaração em tablets e smartphones.
Os contribuintes com certificação digital ou representantes com procuração eletrônica recebem, pela primeira vez, a declaração pré-preenchida. Por meio do Centro Virtual de Atendimento da Receita (e-CAC), eles têm acesso ao documento preenchido com antecedência pelo Fisco e só precisam confirmar as informações para enviar a declaração.
As regras para o preenchimento da declaração foram divulgadas em 21 de fevereiro no Diário Oficial da União. Como nos outros anos, o contribuinte que enviar a declaração no início do prazo deverá receber a restituição nos primeiros lotes, a menos que haja inconsistência, erro ou omissão no preenchimento.
Também terão prioridade no recebimento das restituições os contribuintes com mais de 60 anos, conforme previsto no Estatuto do Idoso, além de pessoas com doença grave ou deficiência física ou mental.
O contribuinte pode tirar dúvidas sobre o Imposto de Renda pela internet. Está disponível no canal da Receita Federal no Youtube um vídeo com explicações sobre as novidades da declaração deste ano e com dicas para evitar erros no preenchimento das informações.
(Agência Brasil)

23 de abr de 2014

Morte de dançarino desencadeia protesto em favela do Rio

O Rio de Janeiro foi mais uma vez palco de protestos na noite de terça-feira. As ações violentas começaram depois da morte de um dançarino profissional na favela pavão-Pavãozinho, na região de Copacabana, zona sul do Rio. Os moradores da favela acusam a polícia pelo assassinato.
Grandes avenidas da área turística de Copacabana foram fechadas pela polícia. Manifestantes fizeram barricadas e colocaram fogo em pneus dentro da favela.
O protesto começou após a morte de Douglas Rafael da Silva Pereira, um dançarino que costumava se apresentar em um programa da TV Globo. Ele teria sido baleado após ser confundido com um traficante de drogas.

22 de abr de 2014

Vacinação contra gripe começa e inclui crianças

Vacinação contra gripe começa e inclui crianças (Foto: Reprodução)

Começa hoje (22) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe. Este ano, a imunização deve atingir mais crianças do que em anos anteriores, já que a faixa etária definida pelo Ministério da Saúde foi ampliada. Com a nova regra, crianças de seis meses a menos de cinco anos poderão ser vacinadas. No ano passado, apenas crianças com até dois anos podiam receber a vacina.

21 de abr de 2014

Família enterra jovem na marra em Ananindeua

Família enterra jovem na marra em Ananindeua (Foto: CELSO RODRIGUES)O cemitério público do Girassol, no conjunto Júlia Seffer, em Ananindeua, foi local de um fato inusitado na tarde deste domingo (20).

 Familiares e amigos de Cristiano da Silva Flausino, jovem de 19 anos morto na madrugada de sexta para sábado, em Águas Lindas, enterraram o corpo do ente querido por conta própria no cemitério público.

Medir o êxito de um país pelo PIB ainda faz sentido?

China
Uma conhecida crítica ao PIB diz que ele “mede tudo, exceto aquilo que faz a vida valer a pena”. A frase ficou famosa com a declaração de um integrante de um dos principais clãs políticos americanos, o ex-senador Bobby Kennedy, em 1968.
Em outras palavras, o PIB – que nasceu nos anos da Grande Depressão (anos 1930) e da Segunda Guerra (1939-1945) para mensurar o tamanho e a riqueza de uma economia – está irremediavelmente viciado como uma medida do bem-estar humano. E cada vez mais ele é questionado.
A ONG Social Progress Imperative, liderada pelo economista Michael Porter, da Universidade de Harvard, sugere uma revisão do índice. Não se trata de enterrar o PIB, mas de complementá-lo com um índice que mede tudo, menos o rendimento econômico.
“Se você eliminar os indicadores econômicos”, diz Michael Green, diretor executivo do grupo, é possível “ver a relação entre o progresso econômico e social e entendê-lo muito melhor”.
Green, que por muitos anos estudou o desenvolvimento internacional, propôs no Fórum Econômico Mundial um novo índice, juntamente como o diretor do escritório americano da revista britânica The Economist, Matthew Bishop.
O mecanismo em questão é o Índice de Progresso Social (SPI, na sigla em inglês), que começou colhendo informações de 54 diferentes indicadores de bem-estar, tais como o acesso às escolas, cuidados de saúde, um meio ambiente limpo, saneamento e nutrição.
Em termos gerais, todos giram em torno de três perguntas:
1. O país pode prover as necessidades mais básicas de seus habitantes?
2. Foram dadas as bases de sustentação para que pessoas e comunidades consigam melhorar seu bem-estar de forma sustentável?
3. Existem oportunidades para que todos os indivíduos consigam alcançar seu máximo potencial?

Não há muita surpresa no topo da lista que engloba 132 países. As primeiras dez posições são ocupadas por todos os países nórdicos, além de democracias liberais, como Nova Zelândia, Austrália e Canadá.
Em seguida, no segundo nível da tabela, estão cinco membros do G7: Alemanha, Reino Unido, Japão, Estados Unidos e França.
O ponto forte do Japão, por exemplo, está no fato de o país conseguir prover as necessidades básicas de seus cidadãos. O país, no entanto, fica abaixo da média de bem-estar e oportunidades e tem baixa pontuação no quesito tolerância e inclusão.
Já os Estados Unidos ocupam a posição 23 na categoria de provimento de necessidades básicas, más é o quinto país quando se fala em oferecer oportunidades. Apesar de ser o país que mais gasta com atenção médica no mundo, os Estados Unidos também não se saíram bem na categoria esperança de vida.
O Brasil, por sua vez, está na posição 46 entre os 132 países. Quando comparado a outros países de renda per capita semelhante (como Irã, África do Sul, Sérvia, Venezuela, Argentina, Tailândia, entre outros), o país se sai melhor em quesitos como liberdade de expressão, tolerância e acesso à saúde básica, mas vai pior nos rankings de violência, saneamento e acesso ao esnino universitário.
Quanto mais escuro o país no mapa, melhor
Quanto mais escuro o país no mapa, melhor
Ainda que boa parte da informação coletada ainda precise ser processada para que se extraiam conclusões mais significativas, o índice já nos dá algumas lições interessantes sobre a distinção entre estruturas econômicas e sociais.
“Tomemos como exemplo a primavera árabe”, diz Green. “Há um grupo de países que estavam indo muito bem economicamente e, de repente, ocorre um colapso social”, argumenta. “Claramente uma política baseada apenas no crescimento econômico não funcionou, a ponto de gerar uma anomia social”, diz.
Mas é só passar o olho no índice SPI para ver que esse descontentamento poderia ter sido previsto. “Todos os países da África do Norte tem um desempenho muito ruim na categoria oportunidades”, avalia Green.n”Não se trata precisamente de necessidades materiais, mas sim a oportunidade de avançar na vida: direitos, liberdades, opções, tolerância e inclusão”, diz.
“Liberdade”, disse uma vez o líder trabalhista inglês Nye Bevan, “é o subproduto do excedente econômico”. O índice SPI, no entanto, contradiz parcialmente essa teoria.
Ainda que SPI mostre que a pobreza extrema e o desempenho social deficiente caminhem de mãos dadas, a correlação perde o sentido quando os países alcançam um determinado nível de prosperidade.
A parte de baixo da tabela está dominada por economias em aperto, mas países ricos em petróleo como Rússia e Arábia Saudita também tem desempenho muito precário em termos de desenvolvimento social.
Nova Zelândia e Itália, que estão próximas em termos de PIB, estão separadas por 29 posições na tabela do SPI.
Em outras palavras, para Green “o PIB não é o destino”. Já houve várias tentativas de complementar ou substituir o PIB. A ONU, por exemplo, desenvolveu o IDH, Índice de Desenvolvimento Humano.
Recentemente, um ex-alto-funcionário britânico, Gus O’Donnell, publicou um relatório sobre bem-estar e política, investigando os principais motores econômicos, sociais e pessoais da felicidade.
O ponto forte do SPI, segundo Green, é a diversidade de indicadores que leva em consideração e o fato de que todos eles, da tolerância religiosa ao abastecimento elétrico, podem ser comparados com o crescimento do PIB.
Analisar dentro do SPI os indicadores que têm relação com o aumento da felicidade poderia dar pistas sobre o desenvolvimento das nações.
Mas nem todos estão de acordo com a ideia de que o PIB não mede o bem-estar. Nick Oulton, da London School of Economics, argumenta que o crescimento econômico pode ser uma boa medida de bem-estar de um país.
“Não vai resolver todos os problemas, mas o aumento da riqueza pode levar à queda na mortalidade infantil, ao aumento da expectativa de vida e a que as pessoas sejam mais saudáveis porque podem comer mais”, diz.
Oulton vai além e diz que há o risco de o grupo dos anti-PIB de “incitar políticas intrusivas”. É como se estivessem dizendo: “Você acha que sabe o que é o melhor para você, mas nós sabemos mais”.
Em última instância, o êxito do SPI será medido por sua influência na tomada de decisões políticas.
Algum países já estão tomando nota. Em julho do ano passado o Paraguai se tornou o primeiro país a usar oficialmente o SPI para fundamentar a tomada de decisões políticas.
Mas a real utilidade do SPI vai se dar quando se puder compará-lo com outros dados. Comparar o SPI e os gastos públicos, por exemplo, pode ajudar a resolver o debate sobre o Estado mínimo ou o Estado grande.
Outra prova da utilidade seria a medição da desigualdade da renda em comparação ao progresso social para comprovar a “hipótese da desigualdade”: Mais igualdade de renda significa mais saúde e felicidade?
Adote-se o SPI ou não, uma coisa e certa: já é um avanço o fato de o SIP estar disponível e ser possível fazer experiências com as informações.
DCM

17 de abr de 2014

Ciência: Planeta é descoberto pela NASA

Astrônomos descobrem planeta semelhante à Terra

Astrônomos anunciaram a descoberta do primeiro planeta fora do Sistema Solar com um tamanho comparável ao da Terra e no qual a água poderá existir em estado líquido, informou hoje (17) a revista norte-americana Science.

Astrônomos descobrem planeta semelhante à Terra (Foto: Divulgação/Nasa)"É o primeiro exoplaneta [planeta fora do Sistema Solar] do tamanho da Terra, encontrado na zona habitável de uma outra estrela", ressaltou a astrônoma Elisa Quintana, do Instituto de Pesquisa de Inteligência Extraterrestre, da agência espacial norte-americana (Nasa). Ela integra a equipe internacional que conduziu a investigação.

O planeta, batizado Kepler-186f, orbita a estrela anã Kepler-186 e se localiza na "zona temperada, onde a água pode ser líquida", de acordo com a astrônoma. Essa zona é considerada habitável, uma vez que, segundo os cientistas, a vida – que depende da presença de água – tem mais probabilidade de se desenvolver ali.

O Kepler-186f encontra-se num sistema estelar situado a 490 anos-luz do Sol, com cinco planetas de tamanho próximo ao da Terra. Contudo, só o Kepler-186f está na "zona habitável", os outros estão muito perto da estrela.

Entre os cerca de 1,7 mil exoplanetas já detectados, em 20 anos, duas dezenas estão ao redor da sua estrela na "zona habitável". Todavia, muitos desses planetas são maiores do que a Terra, o que torna difícil verificar se são gasosos ou rochosos. Localizado na Constelação do Cisne, o Kepler-186f está na categoria de planetas rochosos como a Terra, Marte ou Vênus.

Em fevereiro, a Nasa anunciou que o telescópio Kepler tinha detectado 715 novos exoplanetas, quatro deles potencialmente habitáveis, mas 2,5 vezes o tamanho da Terra. A maioria desses novos planetas extrassolares foi identificada nos últimos cinco anos.

O Kepler foi lançado em 2009 para detectar mais de 150 mil estrelas semelhantes ao Sol, localizadas nas constelações do Cisne e da Lira, e encontrar planetas-irmãos da Terra.

AB

Concedida anistia política a líder sindical assassinado em 1985

Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil Edição: Valéria Aguiar
          O Ministério da Justiça publicou na edição de hoje (17) do Diário Oficial da União portaria que declara anistiado político post mortem o líder sindical Nativo da Natividade de Oliveira. A anistia foi concedida em razão de sua militância política e luta pelos direitos dos trabalhadores do campo.
          A portaria determina pagamento de prestação mensal permanente e continuada de R$ 1.356,00 a Maria de Fátima Marinelli, viúva de Nativo. Prevê também o pagamento de R$ 273 mil referente à soma do valor mensal retroativo da data do julgamento, em setembro de 2013, a março de 1998.
          A militância de Nativo da Natividade de Oliveira começou na década de 70 quando realizou trabalhos de conscientização política junto aos camponeses em Carmo do Rio Verde (GO).  Ele foi presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Carmo do Rio Verde, secretário rural da  Central Única dos Trabalhadores (CUT) e atuou nas Comunidades Eclesiais de Base, ligadas à Igreja Católica.
          Em função da militância política, foi demitido de vários empregos e vigiado por órgãos de repressão. Chegou a ser preso por defender um lavrador e foi liberado 24 horas depois. Nativo foi assassinado a tiros por pistoleiros em 1985, em frente ao sindicato que presidia.
          Em 2004, o relator do processo de Nativo na Comissão Especial Sobre Mortos e Desaparecidos, vinculada à Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, reconheceu sua militância política, mas considerou que as circunstâncias da morte não eram suficientes para afastar a hipótese de que o líder sindical poderia ter sido vítima da ação de pistoleiros. Com base nesse argumento, o relator optou pelo indeferimento do caso. Em 2010, com o envio de novos documentos pela família, a comissão reanalisou o caso e Nativo Natividade ganhou o status de morto político. Em setembro de 2013 foi concedida a anistia política a Nativo.

14 de abr de 2014

Eclipse lunar poderá ser visto de hoje para amanhã

Eclipse lunar poderá ser visto de hoje para amanhã (Foto: Reprodução/Nasa)
Para os amantes da astronomia, a madrugada de segunda (14) para terça 915) é esperada com ansiedade, pois ocorrerá um eclipse total da Lua. O fenômeno poderá ser visto em todo Brasil, mas será melhor percebido na fase final, nas localidades mais a Oeste do país. A Lua, a Terra e o Sol estarão em perfeito alinhamento, cobrindo a Lua na sombra da Terra.
O astrônomo Jair Barroso, pesquisador do Observatório Nacional, explica que o evento vai começar às 3h, horário de Brasília, quando a Lua já está no lado poente. “O pico do eclipse total acontece por volta das 4h45 e o final [do fenômenos] não vai ser visto em algumas regiões a Leste, porque o dia vai clarear, como no Rio de Janeiro”, diz Barroso. A duração do eclipse total, enquanto a Lua ficar totalmente imersa na sombra da Terra, será de 78 minutos.
O nosso satélite natural estará entre a estrela Espiga, a mais brilhante da Constelação de Virgem, e o planeta Marte e apresentará uma tonalidade avermelhada. “Os raios do Sol que atingem a atmosfera da Terra serão refratados e atingirão a Lua. A atmosfera, então, retém o azul violeta no nosso espectro e passa a iluminar a Lua com uma coloração alaranjada escura”, explica o astrônomo do Observatório Nacional. O fenômeno é chamado de Lua Vermelha ou Lua Sangrenta.
As pessoas nas localidades mais a Oeste do continente, como os estados de Mato Grosso e Amazonas e o Chile poderão acompanhar o eclipse até o final, antes de clarear o dia. As ilhas do Pacífico e a Austrália também terão uma visão privilegiada do fenômeno.
Para Barroso, o desconhecimento sobre o universo é o que desperta essa fascinação pelos eventos astronômicos. “Apesar de toda tecnologia, de termos conseguido mandar naves para o espaço, conhecemos apenas um pedacinho do que nos cerca. Somos muito pequenos e a astronomia nos permite, a cada dia, uma descoberta nova”, conclui o astrônomo.
(Agência Estado)

Semana SANTA


Semana Santa é uma tradição religiosa católica que celebra a Paixão, a Morte e a ressurreição de Jesus Cristo. Ela se inicia no Domingo de Ramos, que relembra a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém e termina com a ressurreição de Jesus, que ocorre no domingo de Páscoa.

Wikipédia

13 de abr de 2014

Brasil ganha destaque por obras inacabadas

O Brasil virou manchete no jornal americano The New York Times na edição de sábado (12). O assunto que ganhou destaque foi a questão das obras inacabadas e superfaturadas do país que vai receber a Copa do Mundo este ano.
A reportagem “Grand Visions Fizzle in Brazil” (Grandes visões fracassam no Brasil) do jornalista Simon Romero, relata a demora na construção da ferrovia Transnordestina, o abandono dos edifícios curvilíneos projetados por Oscar Niemeyer e dos parques eólicos, além do "rombo orçamentário provocado por projetos luxuosos, como hotéis inacabados no Rio de Janeiro".
Com obras inacabadas e superfaturadas, Brasil é destaque do jornal The New York Times. (Foto: reprodução/Facebook)

Na matéria foi citado até o museu de extraterrestres, que começou a ser construído com recursos federais na cidade de Varginha, em Minas Gerais, mas não foi terminado. “Seus restos esqueléticos agora pairam como um navio perdido entre as ervas daninhas", comentou.
“Os projetos da Copa do Mundo são apenas uma parte de um problema maior nacional e lançam uma cortina de fumaça sobre grandes ambições do Brasil: uma série de projetos luxuosos concebidos quando o crescimento econômico foi de afluência que agora estão abandonados, paralisados ou descontroladamente acima do orçamento”, diz o jornalista.
(DOL)

7 de abr de 2014

Movimento “volta Lula” já possui data limite, diz Roberto Jefferson

Em seu blog o ex-deputado Roberto Jefferson, pivô do Mensalão, sugere que já existe uma data para uma eventual troca de Dilma por Lula nas eleições de outubro: meados de agosto.
“Com a Copa do Mundo acabando no dia 13 de julho, em momento no qual a campanha eleitoral já teria se iniciado, tudo leva a crer que o movimento “volta Lula” já possui uma data limite para um eventual desembarque da candidatura de Dilma”, diz um post do blog, mantido por uma equipe, uma vez que Jefferson está preso.
“A mudança de candidato do PT teria que se dar até alguns dias antes de 19 de agosto, quando começa o horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão. Afinal, seria difícil para a população entender que o PT começaria as propagandas com Dilma para depois acabar com Lula. Se o ex-presidente decidir realmente entrar em campo, será no começo do segundo tempo, que se dá justamente quando se inicia a campanha eletrônica. Este é o dead-line para o projeto “volta Lula”, acrescenta o blog.
Saiba Mais: Blog do Jefferson

Movimento “volta Lula” já possui data limite, diz Roberto Jefferson

Em seu blog o ex-deputado Roberto Jefferson, pivô do Mensalão, sugere que já existe uma data para uma eventual troca de Dilma por Lula nas eleições de outubro: meados de agosto.
“Com a Copa do Mundo acabando no dia 13 de julho, em momento no qual a campanha eleitoral já teria se iniciado, tudo leva a crer que o movimento “volta Lula” já possui uma data limite para um eventual desembarque da candidatura de Dilma”, diz um post do blog, mantido por uma equipe, uma vez que Jefferson está preso.
“A mudança de candidato do PT teria que se dar até alguns dias antes de 19 de agosto, quando começa o horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão. Afinal, seria difícil para a população entender que o PT começaria as propagandas com Dilma para depois acabar com Lula. Se o ex-presidente decidir realmente entrar em campo, será no começo do segundo tempo, que se dá justamente quando se inicia a campanha eletrônica. Este é o dead-line para o projeto “volta Lula”, acrescenta o blog.
Saiba Mais: Blog do Jefferson

6 de abr de 2014

Dia Mundial da Saúde será marcado por protestos

Dia Mundial da Saúde será marcado por protestos (Foto: Tânia Rego/ABr)

O Dia Mundial da Saúde, comemorado na próxima segunda-feira (7), será marcado por protestos em Belém. Os médicos realizarão um grande protesto contra os planos e seguros saúde e a suspensão de atendimentos está prevista para o dia.
“O movimento da classe médica busca com firmeza e coerência, o diálogo com as empresas que atuam na área da saúde suplementar, com a finalidade de assegurar condições dignas para o desempenho da medicina. Desta forma, a sociedade será a maior beneficiada”, afirma Antonio Jorge, presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado do Pará.
A categoria médica se mobilizará em todo o país, intensificando a luta em defesa da qualificação da assistência aos pacientes e da valorização do trabalho dos profissionais. O protesto será também contra abusos e omissões que afetam tanto a rede pública quanto suplementar de atendimento.
Segundo o CRM-PA, no caso da saúde suplementar, a reivindicação é de composição de honorários, fim da intervenção antiética das operadoras na autonomia profissional e a readequação da rede credenciada, para que seja garantido o acesso pleno e digno dos pacientes à assistência contratada.
Já no setor público, os protestos pedem mais recursos para o setor, com reajuste imediato da Tabela SUS e a aprovação do Projeto de Lei de Iniciativa Popular Saúde+10, que pede a vinculação de 10% da receita bruta da União à saúde (PLP 321/2013). Também é reivindicada a criação de uma carreira pública e a desprecarização do trabalho médico. Os profissionais exigem realização de concurso público com salário adequado; plano de cargos, carreira e vencimentos; maior financiamento para a saúde; melhores condições de trabalho; e atendimento adequado para a população.
(DOL)

3 de abr de 2014

Policial baleado em Portel tem morte cerebral

O policial civil José Haroldo Pereira da Silva teve morte cerebral confirmada pelo Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência na noite desta quarta-feira (2). A informação foi confirmada pela Polícia Civil.
investigador foi encontrado baleado na manhã de segunda-feira (31), dentro do imóvel onde funciona, provisoriamente, a delegacia de polícia de Portel, na ilha do Marajó.
De acordo com Rubens Teixeira, presidente do Sindicato dos Servidores dos Policiais Civis do Pará (Sindpol), a família do investigador está decidindo se irá doar os órgãos do policial.
Rubens lamentou a morte do colega de trabalho e afirmou que essa era uma “morte anunciada”. “Desde o ano passado encaminhamos documentos para todos os órgãos oficiais informando a situação de insegurança dos policiais nas delegacias do interior do Estado. Dissemos no documento que seria preciso acontecer uma tragédia como essa para que fosse tomada alguma solução, mas nenhuma providência foi tomada há quase um ano”.
Segundo Rubens, amanhã o Sindpol irá agendar uma reunião com a Secretaria de Segurança Pública do Pará para discutir a situação. “Uma das propostas é que um policial civil não cumpra 6 horas de trabalho sozinho em uma delegacia. Que tenha ao menos o apoio da Polícia Militar, já que o trabalho é integrado”, ressalta.
(Antonio Santos/DOL)

1 de abr de 2014

Curiosidades do 1 º de abril


Há muitas explicações para o 1 de abril ter se transformado no dia da mentira, também conhecido como dia das mentirasdia das petasdia dos tolos (de abril) ou dia dos bobos. Uma delas diz que a brincadeira surgiu na França.

No Brasil, o primeiro de abril começou a ser difundido em Minas Gerais, onde circulou A Mentira, um periódico de vida efêmera, lançado em 1º de abril de 1828, com a notícia do falecimento de Dom Pedro, desmentida no dia seguinte. A Mentira saiu pela última vez em 14 de setembro de 1849, convocando todos os credores para um acerto de contas no dia 1º de abril do ano seguinte, dando como referência um local inexistente.

About