12 de nov de 2013

SP: bandido é internado em hospital e fica ao lado de vítima que baleou

Em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo, uma coincidência levou um bandido e a vítima dele a ficarem lado a lado dentro de um hospital. Quem conta essa história e o repórter Everton Souza.
O crime foi registrado pelas câmeras de segurança de um ônibus. Do lado de fora, um homem é baleado. A mulher e a filha tentam fugir para dentro do veículo, mas também são atingidas.
O segurança José Cosme Barros e a filha de 5 anos morreram no local. Naircleide Duarte, de 28 anos, foi levada em estado grave para o hospital em Mogi das Cruzes, na Grande São Paulo.
Horas depois do crime, o atirador se envolveu em uma confusão em uma casa noturna e foi baleado, como mostra o boletim de ocorrência. Foi aí que a história ganhou uma terrível coincidência.
Segundo a polícia, vítima e bandido estavam internados na mesma ala, a apenas três metros de distância, separados por uma única maca. Quando a vítima acordou, a primeira pessoa que ela viu foi o homem que havia disparado três vezes contra ela.
O paciente Lucas Ribeiro do Nascimento, de 27 anos, também foi reconhecido por outra testemunha como o homem que atirou no casal e na filha, no último sábado. “Parece coisa de novela. Vamos tentar descobrir a motivação do crime e se existe outra pessoa envolvida”, afirma o delegado
A polícia disse que o atirador tem uma lista longa de registros por roubo e homicídio. Ele vai ficar preso.

G1

About