8 de out de 2013

Direitos Humanos da OAB defende desmilitarização da PM





policia-militar-jundiai-01O presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB, Wadih Damous, vai defender amanhã (07/10) que o Congresso Nacional aprove a desmilitarização da Polícia Militar, uma vez que o país precisa, segundo ele, "de uma polícia que saiba conviver com a democracia e não trate manifestantes com violência e arbitrariedade".
          A proposta será feita durante ato na sede da OAB do Rio de Janeiro pelo fim dos casos de violência policial contra os cidadãos que saem às ruas em defesa de melhores salários.
        "Precisamos de uma polícia que não veja a segurança pública sob a ótica da guerra, em que matar é o objetivo maior" afirmou Damous frisando que "a sociedade necessita de uma polícia comunitária e que se valha da inteligência e de planejamento e não de jagunços que torturam e desaparecem com cidadãos, com se fazia na ditadura".

Fonte:Jornal do Brasil

About